Amizade não se compra: Não use cães para presentear

Deixe um comentário

Presentear uma pessoa é sempre um sinal de grande afeto. Esperar um sorriso largo do presenteado e ganhar um abraço como retribuição é o que esperamos quando vemos que acertamos na escolha.

Quando pensamos nessa situação lembramos diversos objetos e outras pequenas coisas que já demos. Lembramos também da criatividade que buscamos quando queremos que o nosso presente cause um impacto maior na vida da pessoa. Queremos ficar presentes de alguma forma e, vez ou outra, algumas pessoas escolhem ser lembranças na forma de uma outra vida: a de animais.

Bonitinho, não é? Mas é uma vida, não um objeto de decoração

Pensar desta forma, por mais inocente que seja, é um ato egoísta, afinal, por mais carinhoso que seja o ato, a vida de um animal é algo que não se presenteia sem o máximo de cuidado e responsabilidade com os cuidados que envolverão a rotina do mascote.

Por ano, o número de animais abandonados por pura irresponsabilidade de donos, só aumenta. Infelizmente muitas pessoas ainda agem impulsivamente aceitando ou dando um cãozinho como presente e esquecem que aquela companhia dura por volta de 15 anos, uma vida curta e que merece ser saudável e naturalmente feliz.

Eles já foram a alegria no natal de alguém.

O fato de ter um cachorro como companhia pode fazer muitos milagres na vida de uma pessoa. Sabemos do valor da recíproca que o mascote tem quando é amado.

Por isto, faça sua escolha baseado em um planejamento a longo prazo. Pesquise se a pessoa que receberá o animal terá espaço na vida dela para cuidar do cãozinho com o cuidado que ele merece. Se o destino da companhia do melhor amigo for uma criança, pense se os pais dela terão condições de cuidar ao mesmo tempo da criança e do animal.

Planejou e pensou sobre as possibilidades? É hora de dar uma vida feliz para o peludo

Por fim, lembre-se sempre desta frase: Animais não são brinquedos. Eles não vão para a assistência técnica quando sofrem algum mal, não têm conserto com ferramentas e não podem ser deixados esquecidos em alguma caixa em um canto da sua casa.

Se você estiver atento a todos estas dicas e seguir os passos nos 10 mandamentos para a posse responsável, certamente estará fazendo a vida de uma pessoa e de um cãozinho muito melhor a partir da convivência dos dois.

Seja um adepto da posse responsável: Siga seus 10 mandamentos http://migre.me/fRJLV І Fonte: Portal do dog

A Naturalis acredita no amor pleno entre animais e pessoas, alimentar esse amor com as melhores condições é nosso dever e deve ser espalhado incansavelmente. Afinal, nada melhor do que retribuir quem nos ama incondicionalmente.

,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>