Comportamento das gatas no cio

Deixe um comentário

O cio do gato, ou ciclo estral, faz parte do ciclo sexual dos felinos e afeta muito seu comportamento, por isso, lidar com animais neste período é um desafio e tanto. Em geral, eles buscam mais por carinho, miam bastante, urinam por toda casa e querem sair para rua. É um momento complicado em que deve-se ter mais cuidados com o animal e paciência para entender alguns comportamentos que podem ser desagradáveis.

Durante o cio, a gata não apresenta muitas alterações físicas, mas em compensação, são diversas mudanças comportamentais causadas pelas oscilações dos hormônios sexuais. O primeiro cio da gata acontece quando atingem a maturidade sexual e sinaliza que estão receptivas ao acasalamento e prontas para se reproduzirem. O primeiro cio da gata acontece entre o quinto e oitavo mês, podendo variar conforme a raça, ambiente, condições climáticas e época do ano.

Já os machos podem acasalar a qualquer momento depois que atingem a puberdade, que pode acontecer por volta dos 12 meses. Eles não possuem cio e nem um ciclo sexual bem definido, mas também apresentam mudanças comportamentais ao sentirem uma fêmea no cio. Como uma forma de demarcação de território para conquistar a gata no cio, os machos urinam por todos os cantos e deixam um odor muito forte no ambiente. As fêmeas, por sua vez, liberam um odor característico que pode ser sentido pelo macho por quilômetros de distância e serve para atraí-los.

Os miados diferentes e constantes também fazem parte dos comportamentos sexuais de um gato no cio. Tanto machos como fêmeas emitem sons fortes e diferentes dos miados comuns do dia a dia. As gatas miam forte e agudamente como uma forma de chamar o macho.

O cio da gata pode ser dividido em quatro etapas:

  • Proestro ou pré-cio – é o momento em que o animal apresenta os primeiros sinais do cio e pode durar de um a dois dias. A gata passa a urinar com mais frequência, esfrega cabeça e pescoço por todo lado, mia mais alto e pode ter seu apetite aumentado. Neste período, a fêmeas ainda não aceitará o acasalamento.
  • Estro – é o cio em si, neste período, todos os comportamentos do gato durante o proestro são intensificados e a gata apresenta receptividade ao acasalamento.
  • Destro – período de inatividade sexual, em que dura de três a 16 dias, caso não tenha gestação, ou dois meses, para as gatas prenhas.
  • Anestro – fase em que não existe a produção de hormônios e o ovário descansa.

Como evitar o cio do gato

Muitas pessoas optam por não deixar o felino entrar no cio e, por isso, levam o animal ao veterinário para fazer a castração do gato. Este procedimento é simples, com rápida recuperação e pode aumentar a expectativa de vida do bichano, pois, evita algumas doenças.

Trata-se de uma pequena cirurgia para a retirada dos órgãos responsáveis pela produção dos hormônios sexuais: testículos nos machos e ovários nas fêmeas. Com isso, o gato ficará infértil e eliminará boa parte de seus comportamentos sexuais.

,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>