Saiba o que pode deixar seu cachorro estressado

Deixe um comentário

Existem momentos em que toda aquela alegria e empolgação do seu animal de estimação vão embora e ele fica totalmente introspectivo – e, em alguns casos, pode aparecer até uma certa irritação. Esse é um sinal de que existe algo errado, e às vezes os motivos para tal mudança de comportamento pode estar em coisas cotidianas e até em atitudes que temos que deixam o cachorro estressado.

Quadros de estresse e ansiedade em cães, se recorrentes, podem desenvolver problemas psicológicos com sintomas físicos que se agravam com o tempo e a falta de tratamento. Por isso, sempre que notar uma diferença no comportamento do cão que tenha origem em episódios de estresse, procure as orientações de um veterinário. Ele saberá encaminhar o caso para que seu companheiro não sofra tanto com a situação.

Para ajudar você, vamos apontar algumas situações que deixam o cachorro estressado, para que você evite quando possível e dê o apoio que ele precisa em casos inevitáveis.

1. Viajar de carro com o cachorro

Não são todos os cães que apresentam sinais de estresse ao viajar de carro; mas alguns ficam bastante irritados, principalmente em viagens longas. Se você tem uma viagem de carro programada e quer levar seu companheiro, é importante começar um treinamento para que ela vá se acostumando com o interior do carro.

Você precisa que ele associe o carro a algo positivo, por isso vale incentivar algumas brincadeiras no interior veículo enquanto ele estiver parado. Também é fundamental que você ajude o cão a se acostumar com os equipamentos de transporte que ele deverá usar durante a viagem.

2. Falta de passeios com o cachorro

Falta de atividades físicas e de passeios podem deixar seu cachorro estressado. Eles precisam ter uma rotina de passeios para para aliviar o estresse do dia a dia e fazer exercícios físicos. Esse é um cuidado importante com as saúdes mental e física do cão.

3. Cachorro sozinho em casa

Deixar o cão sozinho em casa por muito tempo é prejudicial para sua saúde psicológica. O animal precisa de companhia, brincadeiras, passeios e, principalmente, de atenção. Eles se sentem abandonados e podem desenvolver problemas comportamentais graves, como a ansiedade da separação.

Muitas vezes, como válvula de escape, o cão acaba fazendo algumas bagunças na casa e só ganham atenção para serem repreendidos. Destacamos que isso não é culpa do animal – e, sim, sua. Ao decidir pela adoção de um cão, você precisa saber que terá responsabilidades, e uma delas (a mais importante) é dar atenção e carinho ao seu companheiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>