Mudanças de comportamento após a castração de cachorro

13 Comentários

Muito se fala sobre a importância da castração de cachorro para o controle da reprodução, mas você sabia que uma das inúmeras vantagens desse procedimento é a mudança de comportamento do cão? A alteração hormonal, causada pela retirada dos testículos nos machos e dos ovários nas fêmeas, ajuda a diminuir os comportamentos sexuais do animal, deixando-o mais tranquilo e proporciona mais qualidade de vida ao peludinho.

Comportamento de cachorro castrado

Antes da castração, os cães têm o hábito de demarcar território urinando por toda a casa e não pode ter um descuido que eles fogem. Além disso, é comum que fiquem agitados e agressivos em determinados momentos. Esses comportamentos, que fazem parte dos instintos sexuais do cão, podem ser atenuados e até eliminados após a castração. Quanto mais cedo ela ocorrer, melhor, pois o animal não terá tempo para assimilar os hábitos.

Apesar de a castração do cachorro poder acabar com esses comportamentos, você nunca pode decidir por ela pensando que é a solução para todos os seus problemas, uma vez que nem todas as badernas do animal são provocadas pelos hormônios sexuais. O principal fator que precisa considerar para fazer a castração são os benefícios que o procedimento proporcionará a saúde e bem estar do cachorro.

Como é feita a castração de cachorro?

A castração é feita por meio de uma pequena cirurgia para retirada dos ovários nas fêmeas (ovário salpingo histerectomia) e testículos nos machos (orquiectomia). Assim, não são mais produzidos óvulos e espermatozóides, e os hormônios progesterona e estrogênio.

Para o procedimento cirúrgico, os cães recebem anestesia geral e, por isso, não precisa se preocupar, pois eles não sentem dor alguma. Após o efeito da sedação, pode ocorrer um desconforto, mas são receitados medicamentos analgésicos. O processo é bem simples, proporcionando uma recuperação bem rápida ao animal.

É importante seguir todas as orientações do veterinário no pré e pós-cirurgia para que tudo corra com tranquilidade.

Castrar cachorro ou não?

Se você é uma mãe de cachorro que ainda está na fase de reunir informações para decidir se faz a castração ou não, saiba que o importante é buscar informações e saber como funciona a cirurgia, quais os efeitos na vida do seu companheiro e quais serão as mudanças no organismo e no comportamento dele.

Os benefícios para a saúde do cão são evidentes. Diversas doenças são evitadas e, assim, o animal ganha uma expectativa de vida maior. Além disso, o estresse causado pelas oscilações hormonais não impactarão mais seu companheiro, que conseguirá ter mais tranquilidade e vitalidade em suas atividades diárias.

Diferentemente do que muita gente pensa, o animal não precisa se reproduzir pelo menos umas vez na vida e nem atingir a maturidade sexual para ser castrado. No caso das fêmeas, recomenda-se que a esterilização aconteça antes do primeiro cio. Já nos machos, pode-se castrar a partir dos três meses de idade ou consulte um veterinário. Quanto mais cedo forem castrados, melhor para a saúde deles.

Conheça nossos produtos

,

13 Comentários - Mudanças de comportamento após a castração de cachorro

  • Egnes disse:

    Boa noite
    Eu gostaria de saber depois de quantos meses do animal castrado ele começa a mudar os hábitos? Tipo, parar de marcar território?

    • Naturalis - Total Alimentos disse:

      Olá, Egnes. Esse tempo varia de um pet para outro. Após a castração, alguns hormônios continuam no corpo do animal, sendo assim, o comportamento territorialista pode continuar após a castração. Mas não se preocupe, com o tempo, pode haver uma melhora considerável. A ajuda de um veterinário de confiança é sempre bem-vinda!

  • Luciana disse:

    meu cachorro foi castrado há uns 15 dias, mas depois de retirar os pontos e tirar o colar, ele se tornou extremamente agitado e agressivo, ele pula pra morder mesmo. segundo veterinario, não tem nada a ver com a cirurgia, mas foi logo após a cirurgia, ou depois da retirada do colar. é normal isso? tem uma explicação lógica?

    • Naturalis - Total Alimentos disse:

      Olá, Luciana. Tudo bem? É normal que os cachorros mantenham o comportamento agressivo por um curto período de tempo depois da castração, por ainda ter muito hormônio no sangue, mas depois ocorre uma melhora considerável. Se não melhorar, recomendamos que leve o seu pet ao médico-veterinário novamente ou em algum especialista em comportamento canino. Desejamos sorte e um ótimo dia!

  • Joanne disse:

    Boa tarde . Tem 20 dias que minha cadela foi castrada e desde então, está fazendo cocô em todos os cômodos da casa . Comportamento que ela não tinha antes de ser castrada . Será que tem relação com a sua recente castração? Por que isso acontece ?

    • Naturalis - Total Alimentos disse:

      Bom dia, Joanne! Tudo bom??

      A melhor recomendação é você entrar em contato com o médico veterinário que realizou a cirurgia. Pois ele será a única pessoa a avaliar a situação que você está descrevendo. Nos conte depois o que ele falou e mande notícias de sua dog.

      Ficamos à disposição e agradecemos o contato.

  • Jeferson disse:

    Olá, boa tarde!
    Meu cachorro mudou o comportamento completamente após a castração.
    passou a mexer em lixeira, não podemos mais facilitar com comida nem na mesa que ele tenta pegar, ficou um pouco agressivo (nada que assuste) mas ele sempre foi bem dócil, e continuamos sem poder receber visitas pq ele fica montando nas pernas das pessoas. Sem contar que ele engordou cerca de uns 7 Kg.
    Seria algum descontrole hormonal?
    Isso é normal?
    Podem me orientar em algo, para melhorar essa situação?

    Atenciosamente,
    Jeferson

    • Naturalis - Total Alimentos disse:

      Bom dia, Jeferson, tudo bom?

      A castração é um ato de guarda responsável, sabia? Os benefícios para a saúde de seu cão são diversos, e assim uma série de doenças é evitada e o animal pode ganhar até uma expectativa de vida maior.

      Como você informou que seu cão apresentou uma série de mudanças o ideal é você voltar ao médico veterinário que realizou a cirurgia e comentar isso com o mesmo, pois apenas ele irá fazer o diagnóstico e explicar melhor sobre as mudanças pós-castração.

      Qualquer dúvida, estamos aqui. Abraços!

  • Bruna disse:

    Jeserson, com o meu cachorro aconteceu a mesma coisa. Ele era um cao dócil, carinhoso e após a castração ele ficou muito diferente, fica rosnando pros outros cachorro da casa, rosneta pra algumas pessoas, engordou mais de 3 kg em 2 meses, ele come como se o mundo fosse acabar. Ele ficou outro cachorro, estou totalmente arrependida de ter castrado ele.

    Att,
    Bruna

  • Marcelo disse:

    A mesma coisa aconteceu com meu cachorro após a castração: ele começou a mexer no lixo (inclusive já engoliu plástico 2x; descobri horas depois quando ele vomitou), tenta pegar comida da mesa e agora é agressivo com outros cachorros e também com algumas pessoas. Alguns familiares, mesmo sem convívio diário com meu cachorro, também perceberam a mudança de comportamento. Enfim, é um outro cão. Quase não o reconheço mais.

    • Naturalis - Total Alimentos disse:

      E aí, Marcelo! Boa tarde. Procure um veterinário que trabalhe com comportamento animal, ele irá te auxiliar com dicas para acalmar o seu cachorro e assim você voltar a se comunicar com ele melhor. Inclusive, os benefícios da castração são milhares e principalmente para a saúde do cão, diversas doenças podem ser evitadas a partir desse ato. Depois venha nos contar mais sobre o seu cãopanheiro.

  • Marcelo Grasti disse:

    Castrei minha cadela “labrador” de 6 anos, ela mudou o comportamento, está brava com todo tipo de barulho, não sai de perto de mim se quer um segundo, não consigo ir tomar banho sem que alguém fique com ela no banheiro se não ela entra no Box, não quer dormir no seu local, agora só quer ficar nos pés da minha cama, não tem porta que a segure.
    O que faço ?

    • Naturalis - Total Alimentos disse:

      Olá, Marcelo. Tudo bem?
      Após o castramento, é normal que o cão apresente novos comportamentos, devido as mudanças que ocorrem em seu corpo. Esses novos hábitos podem durar semanas. Caso o comportamento permaneça, recomendamos que você procure o médico veterinário que realizou o procedimento em sua cachorra. Somente ele poderá avaliar o seu caso com precisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*